quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Está tão bem assim...

Serei só eu ou o passar do tempo assusta toda a gente? Passar conduz ao final e o final é o vazio, o nada... Como tudo tem um princípio, um meio e um fim... caminhamos sempre em direcção a esse fim, ao encontro desse nada; será que a partir de uma certa idade começamos a detestar que o tempo passe, e passe tão rápido, porque cada vez mais perto desse nada?!
Enfim, estarei a ficar paranóica e apenas e só porque o meu filho vai cumprir mais um ano de vida, o meu marido acabou de o fazer também e mais uns poucos de dias, será a minha vez de cumprir, passar mais um ano sobre o meu nascimento.
Nós a envelhecer, ele a ficar crescido, grande, adulto, independente... isto não podia ficar sempre assim como está?

Melhor continuar a procriar... sempre terei alguém mais para criar, cuidar, aconchegar, mimar, ensinar...
Estarei eu já com um ataque de síndrome de ninho vazio por antecipação? Nããã

8 comentários:

  1. Sim, chega uma altura em que parece que ficamos por momentos, em cima de um muro, observando; para trás tudo o que passou e o que ainda (ou já só) falta viver; faz-se o balanço e apercebemo-nos, finalmente, de cada dia vivido mal, é um dia deitado fora. E é aqui que redobramos de energia e passamos a relativizar; a dar importância áquilo e áqueles que realmente são importantes!
    "Nós a crescer, ele a ficar crescido, grande, adulto..." O eterno ciclo da Vida!
    Hakuna Matata

    ResponderEliminar
  2. Hakuna matata, de facto... mas lá que envelhecer deve ser tramado, deve!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como me diz sempre o meu filho observando o meu pai, seu avô, com 97 anos, "envelhecer é inevitavel mas manter-se jovem é uma opção"!
      :))

      Eliminar
    2. Sábio menino, sábio menino!! Absolutamente.

      Eliminar
  3. Como eu te entendo...
    BFS
    Maria

    ResponderEliminar
  4. Morena, é tão bom poder ter quem nos ame, ajudar ao desenvolvimento do nosso rebento, e constituir família. Eu invejo-te, acredita!!! Aproveita, miúda!!! Isso é o mais bonito que se pode ter nas nossas vidas, se assim quisermos.

    beijo.

    ResponderEliminar
  5. Olha olha, não queres envelhecer, nem ver o teu filho ir à vida dele... pois pois... :)
    Miguel

    ResponderEliminar