sábado, 31 de dezembro de 2011

Curiosidades 1

Um estudo levado a cabo por quem estuda coias e faz estatisticas deixou evidente que os irmãos mais novos são os que menos chegam a posições cimeiras, lugares de chefia, situações proeminentes; os do meio vêm a seguir a estes, com uma percentagem superior; e os mais velhos os donos e senhores deste mundo, com a percentagem mais elevada.
Óbvio, podiam-me ter perguntado a mim, poupar-lhes-ia meses e meses de pesquisa!
Sou a mais nova da família e para além de estar visto que nunca vou ser CEO de coisa nenhuma, tenho perfeita noção de que os mais novos nunca são levados a sério, nunca amadurecem... serão os eternos miúdos lá de casa a quem ninguém dedica grande credibilidade! Que cena, não é??!! Ora nós próprios nos habituamos a olhar para nós como os eternos miúdos que não amadurecem e a não nos levar muito a sério...
Os irmãos mais novos nunca têm problemas, são tretas infantis; não têm muito potencial, têm é areia a mais na cabeça; nunca têm desgostos, são é mimados a mais; nunca se elogiam, pode subir-lhes à cabeça!!
Pais e irmãos mais velhos, deixo o apelo... não tratem os vossos filho/irmão mais novo como se fosse uma criancinha mimada infantiloide e aparlermada, é que eles podem vir a habituar-se e a pensar que de facto não passam disso e isso não os levará a lado nenhum, obviamente!!!
Cada um desses irmãos mais novos - e é tanto pior em famílias numerosas - vai habituar-se a ter uma imagem pouco responsável, a ser levado pouco a sério e a ser pouco seguro e confiante, ora isso é tudo o que um peso pesado da sociedade não pode ter!! Podiam-me ter perguntado a mim...

Sem comentários:

Publicar um comentário