terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Coisas Maravilhosas Distorcidas

Destesto esta transação comercial em que transformamos o Natal! Desvirtuamos tudo, irra!
Comprar uma bimbi à não-sei-quantos porque não sabe cozinhar; comprar uma Nespresso à não-sei-quê porque gosta de café; comprar um aparelho para endireitar os dentes do outro; comprar uma boneca insuflável ao coiso porque lhe faz muita falta... Não tenho dinheiro para comprar isso a ninguém, nem a ideia me parece que seja essa! Pensava que era mais o detalhe que há em fazer um agrado a alguém; dizermos, por meio de um presentinho que nos lembrámos de alguém e que é importante na nossa vida. A mim se me oferecerem um ramo de flores já fico bem feliz! Acho até uma certa graça em receber coisas que de outra maneira nunca viriam a parar cá a casa... Já agora, preciso muito de um iPad, preciso muito mesmo muito, está mesmo a fazer-me falta...

Sem comentários:

Enviar um comentário